PortuguêsEnglishEspañolItaliano

Claudicélio Rodrigues da Silva – (Permanente)

Claudicélio Rodrigues da Silva – Dr./UFRJ (2010)
Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/7239192930976223
Linha de Pesquisa 3 – Literatura. Mito. Outros Saberes
E-mailclaudicelio@gmail.com

Projeto: O erotismo na literatura do século XXI: representações do desejo dos sujeitos dissidentes e minoritários

Descrição: Interessa ao professor orientar projetos na perspectiva do erotismo e seus entornos (pornografia, obsceno, afetividades, desejo) na literatura brasileira contemporânea, especificamente, obras publicadas a partir do ano 2000 [obras publicadas antes só serão aceitas em comparação com obras de autores do século XXI]. O foco é “literatura brasileira”, portanto, obras estrangeiras só serão aceitas em comparação com obras brasileiras. Para nortear os candidatos na elaboração das propostas de projetos, um ou mais dos eixos a seguir devem ser a base de sustentação da pesquisa: 1. Erotismo na literatura sob a perspectiva das minorias e sujeitos dissidentes (mulheres, negros, LGBTQ); 2. A representação do erótico nas obras de autores minoritários como agenciamento de empoderamento; 3. Os problemas do erotismo nas representações hegemônicas, o masculino e o feminino compulsórios; 4. Gênero/sexo e marcas políticas, sociais e culturais dos domínios da sexualidade; 5. História do erotismo na literatura brasileira; 6. O erotismo ressignificado pelos discursos minoritários no século XXI; 7. Representação do desejo na poesia e na prosa escritas por mulheres no século XXI; 8. Erotismo queer, contrassexualidade; 9. Sujeitos eróticos minoritários, políticas de Eros em confronto com sexismo, racismo e LGBTQFOBIA; 10. Heteronormatividade versus homossexualidade representadas na literatura no século XXI; 11. Colonialidade, decolonialidade e erotismo; 12. performatividades do erótico e dos gêneros. É imprescindível que os projetos se adequem a um desses aspectos. Para fomentar a teoria das pesquisas, sugere-se leitura atenta, dependendo de suas propostas, dos seguintes autores: Bell Hooks, Audre Lorde, Betty Friedan, Donna Haraway, Deleuze & Guattari, Freud, Gayle Rubin, Georges Bataille, Guy Hocquenghem, João Silvério Trevisan, Judith Butler, Lacan, Lelia Gonzalez, Lúcia Castelo Branco, Mary Del Priore, Michel Foucault, Monique Wittig, Octavio Paz, Osmundo Pinho, Paco Vidarte, Paul B. Preciado, Patricia Hills Collin, Ronaldo Vainfas, javier Saez & Sejo Carrascosa, Simone Beauvoir, Silvia Federici, Tamsin Spargo, Virginie Despentes…. Essa revisão teórica vasta e diversificada deve servir apenas como exemplo das teorias que os temas podem suscitar, e não devem limitar ou esgotar as possibilidades dos candidatos. As discussões e políticas da sexualidade, obviamente, devem integrar as fundamentações teóricas, mas o objeto do projeto deve ser a representação do erotismo em obras literárias.

 

Grupo de Estudos: A Língua de Eros – Vinculado ao departamento de literatura da Universidade Federal do Ceará, o GELE se constitui de encontro semanal de 2 horas  para estudo de textos literários e teóricos a partir de uma perspectiva comparada e não linear. A literatura erótica com foco na produção brasileira, mas aberta ao cânone ocidental,  em diálogo com as ciências sociais, a história e, quando couber, a psicanálise. Por conta da pandemia, os encontros estão sendo na modalidade remota, às quintas-feiras, das 19:15 às 20:30 pelo aplicativo Google Meet.